Boa Vista do Gurupí; Ex-prefeita e atual candidata a prefeita Dilcilene Oliveira ainda colhe os frutos da sua incompetência como gestora de recursos públicos

0
70

Boa Vista do Gurupi, cidade localizada na divisa do Maranhão com Pará, mais uma vez está colhendo resultados da péssima gestão realizada pela ex-prefeita Dilcilene Oliveira e seu grupo de aliados. Recentemente, o documento expedido pela Secretaria de Estado da Saúde trouxe ao conhecimento de todos mais uma irregularidade da gestão que encerrou em 2016.

300 mil reais devem ser restituídos ao Fundo Nacional de Saúde, isso por irregularidades comprovadas na aplicação de recursos repassados pela Portaria nº 303/2015 ao município de Boa Vista do Gurupi na época em que Dilcilene era prefeita.

A quantia é alta e para um município do porte de Boa Vista do Gurupi assume caráter essencial para que a Saúde conseguisse realizar diversas ações importantes para a população na época. Como manutenção do hospital, contratação de profissionais e outros.

A SES foi clara no documento e afirmou. “Pelo presente, comunicamos a Vossa Excelência que  diante da irregularidade da aplicação de recursos repassados pela Portaria nº 303/2015-SES, processo nº 19682/2015 consoante ausência do Relatório de Gestão bem como dos demais documentos exigidos no artigo 2º e seis incisos da Portaria SES/MA nº 74, fora declarada a inconformidade dos respectivos recursos.”

O pior de tudo é que com mais esse ‘pepino’ vindo com tudo para mostrar que Dilcilene não conseguiu administrar como deveria a cidade de Boa Vista do Gurupi, há uma possível candidatura para reconduzir a ex-prefeita novamente ao cargo mais importante do município.

Como assim? Se não conseguiu gerir na primeira oportunidade como vai conseguir fazer isso agora?