Entenda como funcionava o esquema de Josimar de Maranhãozinho

0
223

A Operação Descalabro, deflagrada hoje (9) pela Polícia Federal, desmontou o esquema de emendas parlamentares do deputado federal Josimar de Maranhãozinho (PL).

O esquema funcionava da seguinte forma: o parlamentar destinava a emenda para a prefeitura de aliados, que ao receber o recurso federal contratava empresas ligadas a Josimar e em seguida essas empresas faziam saques em espécie e o dinheiro era entregue ao deputado, no seu escritório em São Luís.

Segundo apurado pela PF, era firmado contratos fictícios com empresas “de fachada” que movimentaram R$ 15 milhões de emendas destinadas por Josimar de Maranhãozinho.