Juiz que decretou Lockdown no Maranhão, diz que som alto transmite covid-19 e proíbe som até dentro de casa durante Carnaval

0
76

O juiz da Vara de Interesses Difusos e Coletivos de São Luís, Douglas de Melo Martins, que ficou conhecido ano passado como o “juiz do lockdown”, afirmou, em entrevista à Mirante, que está proibido até mesmo ouvir som dentro de casa.

A medida vale até o dia 21, conhecido como Lava Pratos. “Som, qualquer que seja, está proibido. Em condomínios, até dentro de casas. Não importa, não pode ter algo que atraia aglomeração”, explicou.

Ou seja, quem está pensando em tomar umas em casa curtindo uma live nesse Carnaval, já que as festas estão proibidas, pode tirar o cavalinho da chuva.

O juiz que decretou o lockdown ano passado agora decreta lockdown para o som, como se o coronavírus fosse transmitido por meios sonoros.

Carnaval só com filme e pipoca. E som da TV bem baixinho.