Hacker que desviou R$ 13 milhões do Nunbak é preso no Maranhão

0
92

Foragido da Justiça por integrar quadrilha na cidade de Imperatriz, o hacker L.C.M. (nome não revelado) foi preso pela Polícia Civil do Maranhão, numa operação conjunta entre Superintendência Estadual de Investigação Criminal – SEIC (DCCT) e Grupo de Pronto Emprego – GPE/ITZ, no bairro Santa Rita, em Imperatriz.

A prisão preventiva faz parte do desdobramento da 2ª fase da Operação Ostentação que deu início na cidade de Imperatriz, em dezembro de 2020 que tem como alvo uma quadrilha que já desviou cerca de R$ 13 milhões do banco digital Nubank.

Após a prisão, L.C.M. foi levado para o Sistema Penitenciário do Maranhão, onde deve permanecer à disposição da justiça.