PERSEGUIÇÃO: Em Carutapera, Dr. Castelo é demitido por questões políticas

0
222

Aconteceu o que já era esperado, por pura perseguição política, o Dr Castelo, excelente clínico e cirurgião geral do Hospital Regional de Carutapera, foi hoje (27/03) comunicado de seu desligamento e com isso não mais atenderá a população no hospital.
Medida essa que causou muita revolta e indignação na cidade de Carutapera e toda a região do Guripi e Alto Turi.
Sua demissão foi arquitetada e colocada em prática após ele participar de algumas reuniões de lideranças que não concordam com as perseguições e desmandos da atual gestão do município de Carutapera e por também não ter, nenhum interesse em fazer parte do desgoverno municipal.
Dr Airton foi a primeira vítima, desse arcaico e nefasto modo de fazer política, em seguida a diretora administrativa, Elaine Guerra, e agora o Dr Castelo foi a vítima da vez, penalizando assim, ainda mais a já sofrida população carutaperense, que ver adormecida, sem reagir de forma prática, os bons médicos sendo demitidos do hospital regional.
O governo do Estado atendendo os pedidos de pessoas que não representam como deveria a população, e que tem bons planos de saúde, que os permite serem atendidos nos melhores hospitais da capital São Luís, como UDI e São Domingos,  está desmontando a já combalida saúde pública estadual em Carutapera.
Alguma atitude a população precisa tomar, pois quem sofre é a mesma, já que compromisso não é uma marca dessa turma, pois suas ações mostram que seus interesses caminham no sentido contrário do que anseia os munícipes. Lembrando que nem mesmo as cirurgias marcadas e previamente agendadas por ele, serão realizadas.
Reaja Carutapera!!!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui