Erros que aconteceram em Brumadinho (MG) também aconteceram com a Mineradora Aurizona em Godofredo Viana (MA) no final de 2018, mas governador Flávio Dino se calou

0
206
Flávio Dino correu para as redes sociais se solidarizar com as famílias que perderam seus entes na tragédia registrada nesta semana em Minas Gerais. Centenas de pessoas ainda se encontram desaparecidas e dezenas de óbitos já foram confirmados. 
No final do ano passado, a falta de fiscalização dos órgãos do Governo do Estado permitiu que empresas como a Mineradora Aurizona S/A atuassem no noroeste maranhense sem qualquer tipo de impedimento ou fiscalização ambiental, o que acabou resultando em uma ocorrência parecida todavia de menor proporção e sem vítimas fatais, na época os rejeitos invadiram e destruíram manguezais chegando a deixar uma comunidade inteira isolada. 
Flávio Dino deveria primeiro olhar para o Maranhão antes d querer enfiar o nariz em eventos registrados em outros estados da federação. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui